1º Encontro Brasil-Portugal gera 25 milhões de dólares em negócios

25 May 2007

Lisboa, Portugal, 25 Mai – O 1º Encontro de Negócios Brasil-Portugal, que terminou quinta-feira em Lisboa, gerou negócios da ordem dos 25 milhões de dólares , disse à agência noticiosa portuguesa Lusa fonte da organização.

Sílvia Lima, directora de projectos internacionais da APEX, agência governamental brasileira de promoção e exportações e investimentos, classificou a iniciativa como um sucesso que ultrapassou em muito as melhores expectativas.

Ao longo dos dois dias de trabalhos, 51 empresas brasileiras promoveram os seus produtos junto de congéneres portuguesas, ligadas à área de abastecimento de supermercados, participando em cerca de 400 reuniões, substancialmente mais do que as 325 inicialmente previstas, precisou Sílvia Lima.

A iniciativa visa ainda aproveitar Portugal como porta de entrada nos mercados europeu e africano, sobretudo o espaço africano de língua oficial portuguesa.

“As potencialidades dos produtos brasileiros no mercado português são elevadas, uma vez que a política económica portuguesa propicia também alargar o âmbito de acção aos mercados da União Europeia e também a outros mercados de Língua Portuguesa, como Angola, Cabo Verde e Moçambique”, afirmou.

A APEX trouxe a Lisboa empresários e representantes de 51 empresas ligadas aos sectores alimentar, bebidas, café, serviços, embalagem e artesanato.

De acordo com dados oficiais brasileiros, referentes a 2006, a balança comercial entre os dois países é largamente favorável ao Brasil, cujas exportações para Portugal atingiram os 1.460 milhões de dólares.

No sentido inverso, o volume de exportações de Portugal para o Brasil quedou-se pelos 312 milhões de dólares, gerando, em 2006, um saldo positivo para o Brasil no montante de 1.140 milhões de dólares.

O I Encontro de Negócios Brasil/Portugal foi organizado pela Agência de Promoção de Exportações e Investimentos (APEX) brasileira, com o apoio da Agência Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), Câmara de Comércio e Indústria Luso-Brasileira (CCILB) e a Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS). (macauhub)

MACAUHUB FRENCH