Brasil quer construir fábrica de produtos farmacêuticos em Moçambique

30 May 2007

Maputo, Moçambique, 30 Mai – O governo do Brasil pretende oferecer uma fábrica de produtos farmacêuticos a Moçambique para nela produzir medicamentos para tratar a sida e a malária, entre outras doenças, informou terça-feira o jornal Notícias, de Maputo.

O jornal adianta que o estudo técnico-económico para a construção desta fábrica, um investimento de 23 milhões de dólares, foi apresentado terça-feira ao ministro da Saúde de Moçambique, Ivo Garrido, pela embaixadora do Brasil em Maputo, Leda Camargo.

O estudo, de acordo com a embaixadora brasileira, foi elaborado pela Fundação para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico em Saúde/Fundação Oswaldo Cruz.

O documento apresenta um conjunto de opções para a produção de anti-retrovirais e outros medicamentos genéricos como antimaláricos, tuberculostáticos e antibióticos não-penicílicos bem como cenários alternativos em moldes que rentabilizem o empreendimento.

A oferta desta fábrica foi efectuada pelo presidente do Brasil Luís Inácio Lula da Silva aquando da sua visita oficial a Moçambique, em 2004.

O ministro Ivo Garrido, adianta o Notícias, afirmou que o governo moçambicano vai estudar o documento e que em Junho próximo decidirá se aceita ou não a proposta brasileira. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH