Macau e a província chinesa de Fujian vão organizar promoção comercial na UE para atrair negócios

18 June 2007

Fuzhou, China, 18 Jun – Macau e a a província chinesa de Fujian vão organizar conjuntamente uma acção no espaço europeu comunitário para angarir negócios para a região, anunciou sábado o Chefe do Executivo de Macau, Edmundo Ho durante uma visita a Fuzhou.

Edmund Ho encontra-se em Fuzhou para participar no Seminário de Cooperação Económica Fujian – Macau e Desenvolvimento da Costa Ocidental do Estreito e na Reunião Anual da Associação Promotora da Cooperação Económica entre Fujian e Macau.

“Fujian tem aproveitado da melhor forma o papel de plataforma de Macau na exploração de novos mercados internacionais, através da organização conjunta de visitas a países de língua portuguesa e a participação em acções de promoção e cooperação” disse Edmund Ho.

O Chefe do Executivo lembrou que no plano da cooperação com a província de Fujian, Macau organizou conjuntamente com a província chinesa “deslocações de grupos de empresários a países de língua portuguesa (Moçambique, Angola e Brasil, entre outros), alguns dos quais encontraram já novos mercados e oportunidades comerciais”.

“O governo de Macau tem também programada a realização, em Abril do próximo ano, de um fórum internacional sobre indústrias de protecção do ambiente, que constituirá mais uma oportunidade para promoção da cooperação e diálogo directos entre Fujian/Macau e as empresas ligadas à protecção ambiental da União Europeia”, revelou Edmund Ho.

O Chefe do Executivo de Macau lembrou ainda que “o papel mediador de Macau assume cada vez maior relevo em matéria de cooperação com os países de língua portuguesa e a União Europeia”.

Ao nível do turismo, Macau e Fujian vão intensificar as acções de promoção conjunta dos principais produtos dos dois territórios, com a organização de roteiros turísticos no âmbito do culto da deusa A-Ma que data do século XVI.

A deusa de A-Ma, originária de Fujian, está na base do nome dado a Macau.

Fujian e Macau pertencem à aliança regional chinesa do Grande Delta do Rio das Pérolas também conhecido com “9+2” que engloba Fujian, Jiangxi, Hunan, Guangdong, Guangxi, Hainan, Sichuan, Guizhou e Yunnan e as regiões administrativas especiais de Hongkong e Macau.

As oito províncias a a região autónoma de Guangxi representam um quinto do território nacional e um terço da população e do produto interno bruto da China. A sua populaçao é semelhante à dos países da União Europeia.

A província de Fujian, com uma área de 121.400 quilómetros quadrados, tem uma população de 35 milhões de pessoas e está localizada na zona costeira chinesa frente a Taiwan. (macahub)

MACAUHUB FRENCH