Governo da China anuncia redução dos incentivos à exportação

21 June 2007

Pequim, China, 21 Jun – A China anunciou quarta-feira a redução dos incentivos à exportação de milhares de produtos para reduzir o seu excedente no comércio externo, com os analistas a preverem um aumento dos preços para os consumidores estrangeiros.

A partir de 1 de Julho, Pequim vai reduzir ou acabar com os incentivos à exportação de mais de 2800 produtos como brinquedos, cimentos ou fertilizantes, anunciou o Ministério das Finanças da China num comunicado na sua página na Internet.

Com esta medida, as autoridades pretendem reduzir o crescimento excessivo das exportações, reduzir as fricções com os parceiros comerciais e controlar as indústrias de alto consumo energético, refere o ministério.

Se continuar a crescer ao mesmo ritmo – dez vezes superior a 2004 – o excedente comercial da China atingirá este ano 320 mil milhões de dólares, de acordo com analistas.

O desequilíbrio da balança comercial já levou a União Europeia e os Estados Unidos a introduzirem tarifas e outras medidas para tentar reduzir o défice comercial com a China.

Washington acusa ainda Pequim de manter o yuan artificialmente baixo para aumentar a vantagem competitiva dos seus produtos nos mercados internacionais. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH