Brasil abre uma linha de crédito para São Tomé e Príncipe

28 June 2007

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 28 Jun – O Brasil vai colocar à disposição dos operadores económicos de São Tomé e Príncipe uma linha de crédito para importação de produtos de origem brasileira, informou quarta-feira em São Tomé um representante do governo são-tomense.

Em declarações aos jornalistas, o ministro são-tomense das Infra-estruturas, Delfim Neves, anunciou que a concessão de linha de crédito do governo brasileiro resulta da cooperação bilateral no âmbito económico numa perspectiva de se relançar actividades comerciais entre os dois países.

Para a abertura da linha de crédito, as autoridades de São Tomé e Príncipe criaram uma comissão comercial com o objectivo de identificar produtos a serem seleccionados para importação e as respectivas modalidades de reembolso numa parceria entre as câmaras comerciais dos dois países.

“A comissão que integra membros da câmara de comércio e representantes dos importadores inicia quinta-feira um trabalho de recolha de informações com vista a se escolherem mercadorias para compra no Brasil”, sublinhou Delfim Neves.

Antes do primeiro saque da linha de crédito previsto ainda para este ano, o representante do governo são-tomense anunciou a assinatura de um acordo específico nesta parceria comercial no âmbito de pré-acordos estabelecidos entre os dois países.

Delfim Neves disse que a estratégia visa, fundamentalmente, a capitalização do tecido empresarial são-tomense através de financiamento dos parceiros da cooperação, designadamente o Brasil, numa perspectiva de se fomentar a actividade comercial e relançar a economia do país.

Além da cooperação no domínio da economia, com realce para a disponibilidade brasileira de participar no processo que visa a exploração de petróleo no território são-tomense, o Brasil tem cooperado também na área da educação, sobretudo na concessão de bolsas de estudo aos estudantes do arquipélago. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH