Odebrecht vai investir 5 mil milhões de reais na produção de açúcar e álcool

29 June 2007

São Paulo, Brasil, 29 Jun – O grupo brasileiro Odebrecht vai investir 5 mil milhões de reais na produção de açúcar e álcool nos próximos oito anos no Brasil a fim de figurar entre as maiores empresas do sector, afirmou quarta-feira em São Paulo Ruy Sampaio, director de investimentos do grupo.

No decurso de um encontro com jornalistas, Sampaio disse que o grupo pretende atingir uma capacidade de moagem de cana-de-açúcar de 30 a 40 milhões de toneladas por ano em oito anos, o que, hoje, a colocaria próxima da Cosan, empresa líder no Brasil.

“Temos um plano arrojado e estruturado para que no médio prazo estejamos entre os cinco maiores produtores do sector, seja por meio de aquisições, ou por desenvolvimento dos próprios negócios”, afirmou Sampaio.

A Odebrecht vai actuar em todo o ciclo do negócio, passando pela produção da cana, processamento, logística e comercialização nos mercados interno e externo.

O grupo brasileiro, líder nos sectores da construção e da petroquímica na América Latina, opera igualmente nos sectores mineiro e petroquímico em África e nos negócios da construção nas Américas, Europa, Médio Oriente e África.

No Brasil a Odebrecht controla a Braskem, maior petroquímica da América Latina, que anunciou recentemente que vai iniciar a produção de polietileno a partir de álcool. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH