Campo petrolífero Rosa em Angola já produz desde Junho

16 July 2007

Luanda, Angola, 16 Jul – O campo petrolífero Rosa, do bloco 17, situado a 135 quilómetros da costa de Angola, entrou em funcionamento em Junho último, a fim de manter o nível de produção do projecto Girassol, estimado em 240 mil barris/dia.

Em declarações sexta-feira à agência noticiosa angolana Angop, na Feira Internacional de Luanda (Filda/2007), o assessor de imprensa da empresa operadora do referido campo (Total), André Teixeira, disse que o projecto Rosa será inaugurado em Outubro próximo.

Os investimentos no projecto Rosa, disse, estão avaliados em mais de 2000 milhões de dólares norte-americanos.

DE acordo com Teixeira, parte dos equipamentos que estão a ser utilizados no campo Rosa foi construída em Angola, nos estaleiros da Sonnamet e Anglofex, no Lobito, Sonilis em Luanda, e da Petromar, no Soyo.

Tendo como concessionária a Sonangol, o bloco 17 tem como grupo empreiteiro a Total, como operadora com 40 por cento de participação, a Esso Exploration, com 20 por cento, a BP com 16,67 por cento, a Statoil com 13,33 por cento e a Norsk Hydro com 10 por cento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH