Fabricante brasileiro de aviões Embraer abre centro de treino de pessoal de bordo em Singapura

2 August 2007

Singapura, Singapura, 02 Ago – O fabricante brasileiro de aviões Embraer anunciou quarta-feira que inaugurou em Alteon, no aeroporto de Changi, em Singapura, um centro de treino para tripulações das companhias aéreas da região que possuem aparelhos do tipo Embraer.

Um comunicado da empresa refere que o centro de treino faz parte de um investimento de 40 milhões de dólares que a Embraer está a efectuar na região da Ásia-Pacífico.

O centro da Embraer em Singapura possui treino em solo e um simulador de voo com capacidade para treinar 300 pilotos por ano em todos os modelos dos aviões do fabricante brasileiro.

A partir de 2008 o centro passará a incluir aspectos operacionais do treino de comissários de bordo.

O simulador possui uma extensa biblioteca visual e interactiva de simulações animadas de aeroportos de toda a região da Ásia-Pacífico.

O primeiro cliente asiático a utilizar os serviços de treino da Embraer, em Singapura, foi a Mandarin Airlines, que recentemente começou a operar o primeiro de oito jactos da Embraer em Taiwan.

Em breve, novas companhias aéreas da Austrália, Índia, China e Japão, entre outros países, também utilizarão o novo centro.

“Para além de abrigar a nossa sede regional, Singapura é o local ideal para este centro de treino por ser um dos principais centros de distribuição de voos (hub) da região”, disse Orlando José Ferreira Neto, director de Marketing e Vendas da Embraer para a Ásia e Pacífico – Aviação Comercial.

A Embraer, que possui uma fábrica em Harbin, na China, numa “joint-venture” com a Aviation Industries of China II (AVIC II), onde são produzidos jactos de até 70 lugares, tem vendido aviões essencialmente para companhias aéreas da China Continental.

Em 2006, a empresa brasileira entregou mais de 20 aeronaves aos seus quatro principais clientes chineses — HNA Group, China Southern, China Estern Jiangsu, China Estern Wuhan.

Além disso, outros 100 jactos que foram encomendados em Agosto de 2005 pelo HNA Group (Hainan Group), o maior cliente asiático da empresa brasileira. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH