Linha do Sena, Moçambique, já tem 175 quilómetros de via reconstruídos

2 August 2007

Maputo, Moçambique, 02 Ago – Cento e setenta e cinco dos 652 quilómetros da linha ferroviária do Sena foram já completamente reconstruídos pelas equipas que estão no terreno, informou quarta-feira o jornal Notícias, de Maputo,

O jornal adianta que de acordo com o director executivo da empresa Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique-Centro, Joaquim Veríssimo, a linha de Sena deverá reabrir ao tráfego até Dezembro próximo entre as estações ferroviárias de Dondo e Marromeu, numa extensão global de 265 quilómetros.

O governo moçambicano, representado neste projecto pelos Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique, fez recentemente uma avaliação positiva da empreitada e um seu porta-voz afirmou mesmo que até à data as obras estavam numa fase de execução aceitável, devendo terminar, na globalidade, em Maio de 2009.

Veríssimo acentuou que as frentes de trabalho foram duplicadas, para acelerar o ritmo dos trabalhos em curso, empregando actualmente mais de mil trabalhadores.

O processo, enquadrado numa reconstrução consistente daquela ferrovia, que vai até à vila carbonífera de Moatize, na província de Tete, está igualmente a produzir um impacto positivo na vida das comunidades daquela região do vale do Zambeze, sobretudo nos distritos de Muanza, Cheringoma e Marromeu. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH