Empresa portuguesa do Porto vai coordenar montagem de rede de transportes públicos em São Tomé

13 August 2007

Porto, Portugal, 13 Ago – A Sociedade de Transportes Colectivos do Porto (STCP) vai coordenar a montagem de uma rede de transportes públicos urbanos em São Tomé, afirmou sexta-feira no Porto a presidente da transportadora, Fernanda Menezes.

Em declarações à agência noticiosa portuguesa Lusa, Fernanda Menezes disse que o projecto, que se encontra ainda numa fase inicial, inclui a definição do número de linhas necessárias para satisfazer as necessidades locais de transportes públicos de passageiros, que actualmente são assegurados apenas por táxis e por uma rede informal de carrinhas.

Na sequência do pedido apresentado pelo governo de São Tomé e Príncipe, a STCP realizou um levantamento inicial das necessidades locais, que será agora complementado com a deslocação de dois técnicos para verificação no terreno das condições existentes.

“Vamos fazer tudo a partir do zero”, salientou Fernanda Menezes, acrescentando que a STCP vai ajudar não só a definir as linhas mas também fornecendo o número de viaturas necessárias, as condições de manutenção, os locais de aparcamento e o sistema de bilhética.

A futura rede de transportes vai abranger apenas a cidade de São Tomé, capital do país, com uma população de cerca de 55 mil pessoas, estimando a presidente da STCP que seja necessário criar “cinco ou seis linhas para ligar os principais pólos com necessidades de transportes”.

O projecto prevê ainda que a STCP assegure a formação do pessoal local que vai trabalhar no futuro serviço de transportes urbanos de passageiros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH