Portugal Telecom alia-se à Helios Investors para entrar na África subsariana

14 August 2007

Lisboa, Portugal, 14 Ago – A Portugal Telecom anunciou segunda-feira em Lisboa a criação de uma parceria estratégica com a Helios Investors para o mercado de telecomunicações da África subsariana, em comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários.

O objectivo da parceria estratégica, concretizada numa primeira fase pela compra por parte da Helios de 22 por cento da Holding Africana, empresa que agregará todos os activos que a PT detém actualmente na África subsariana, é criar e desenvolver um operador de serviços de telecomunicações multinacional naquela região.

Henrique Granadeiro, presidente da operadora de telecomunicações, afirmou em conferência de imprensa que o objectivo da parceria estratégica é criar e desenvolver um operador de serviços de telecomunicações transnacional naquela região.

Granadeiro disse ainda haver espaço para “ser criado um operador pan-africano de telecomunicações” e que “Angola tem todas as condições de ser o epicentro desse operador”.

Os 22 por cento adquiridos pela Helios Investors custaram 125 milhões de euros.

Adicionalmente, a Portugal Telecom subscreveu um financiamento emitido pela Holding no montante de 450 milhões de dólares.

A PT afirma que o continente africano é um mercado estratégico com um potencial de crescimento que pode chegar a mais de 10 por cento ao ano até 2010, o que representa a adição líquida de 104 milhões de novos clientes, sendo que 75 por cento desse crescimento está concentrado em apenas 10 mercados, 6 dos quais na região sub-sariana.

Os interesses da Portugal Telecom na África a sul do Saara são uma participação de 25 por cento na Unitel de Angola, 34 por cento na MTC da Namíbia, 40 por cento na Cabo Verde Telecom e 51 por cento na CST de São Tomé e Príncipe, totalizando 3,4 milhões de clientes em Junho de 2007 e receitas de 215 milhões de euros em 2006.

A participação da Portugal Telecom na Meditel, o operador marroquino em parceria com a espanhola Telefonica, não integrará a Holding Africana. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH