Cabo Verde vai propor a São Tomé e Príncipe uma carreira marítima regular entre os dois países

20 August 2007

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 20 Ago – O chefe do Governo cabo-verdiano, José Maria Neves, vai propor ao Governo de São Tomé e Príncipe a criação de uma linha marítima regular entre os dois países para incrementar as suas relações comerciais.

A abertura de uma linha marítima entre os dois países criará condições para a importação de produtos agrícolas são-tomenses, enquanto Cabo Verde pode exportar produtos como medicamentos, água mineral e café.

A linha marítima com São Tomé e Príncipe poderá ainda permitir o escoamento de produtos agrícolas são-tomenses para mercados estrangeiros, sobretudo europeus, através da Praia, a capital de Cabo Verde.

O primeiro-ministro de Cabo verde encontra-se numa visita oficial de uma semana a São Tomé e Princípe acompanhado do ministro dos Negócios Estrangeiros e a Secretária de Estado da Agricultura, bem com um grupo de empresários.

O cônsul cabo-verdiano disse a semana passada à macauhub que na vertente económica, a visita de José Maria Neves centrar-se-á numa análise conjunta com São Tomé e Príncipe sobre como estabelecer parcerias nos sectores da pesca e agricultura.

Silva disse ainda que uma parceria que visará essencialmente a conservação e comercialização de pescado passará pela captura de atum e outras espécies que “abundam” nos mares de São Tomé e Príncipe.

Além da contribuição da parte são-tomense, este interesse piscatório do governo de Cabo-Verde poderá envolver a empresa privada cabo-verdiana Atlantic Tuna, especializada na transformação e conversação de pescado. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH