Governo de Moçambique vai reclassificar unidades hoteleiras

5 September 2007

Maputo, Moçambique, 05 Set – O Ministério do Turismo de Moçambique vai iniciar ainda este mês a reclassificação das unidades hoteleiras do país, afirmou à agência noticiosa moçambicana AIM o titular da pasta Fernando Sumbana.

Em declarações à agência, o ministro do Turismo garantiu que quem se recusar a cumprir o novo regulamento “será punido com a pena de encerramento do estabelecimento”.

Recentemente, o Governo moçambicano aprovou um regulamento sobre a classificação dos estabelecimentos hoteleiros com o objectivo de imprimir uma nova dinâmica no seu funcionamento, que resulte na melhoria da qualidade do serviço que prestam ao público.

“Não estou a dizer que anteriormente não existia regulamento indicando os padrões, mas sim que estamos a trabalhar no sentido de trazer novos padrões, razão pela qual vamo-nos fazer ao terreno, ainda este mês, para fazer a reclassificação dos estabelecimentos”, enfatizou Sumbana.

Fernando Sumbana esclareceu que o Ministério do Turismo já deu uma trégua aos estabelecimentos hoteleiros para que se pudessem organizar e criar o mínimo de condições.

De acordo com o ministro, espera-se que mais de 1,1 milhões de turistas visitem Moçambique até finais deste ano, contra os 957 mil que vieram ao país em 2005.

Sumbana referiu que os dados referentes a 2006 ainda estão ainda a ser avaliados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

Fernando Sumbana salientou que em 2007 o seu sector vai contribuir com cerca de 157 milhões de dólares para as receitas do Estado, contra 140 milhões de dólares em anos anteriores. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH