Projecto do porto de Ponta Dobela, Moçambique, vai ter início

10 September 2007

Maputo, Moçambique, 10 Set – A Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) vai comparticipar com 15 milhões de dólares no projecto de construção, manutenção e operação do porto de Ponta Dobela, província de Maputo, informou o jornal Notícias, de Maputo.

O projecto, localizado a cerca de 70 quilómetros do Maputo a sul da Ponta Milibangalala, contempla o desenvolvimento de actividades industriais, comerciais e turísticas, além da construção de vias de acesso rodoviárias e ferroviárias.

Com um investimento global estimado em 500 milhões de dólares, de acordo com uma fonte daquela empresa pública, o projecto Ponta Dobela será desenvolvido numa área com mais de 22380 hectares, na região de Techobanine, consagrada para a implantação de uma zona económica especial.

Numa primeira fase está prevista a construção de um depósito para combustíveis, para distribuição na região e, posteriormente, a implementação de um porto comercial especializado no manuseamento de minerais.

Enquanto isso, as obras de reabilitação e renovação do Porto de Quelimane deverão estar concluídas até finais deste ano, ao abrigo de um projecto orçado em 14 milhões de dólares co-financiados pelo Governo da Alemanha e pela CFM.

As obras em Quelimane consistem na renovação das infra-estruturas do cais, tabuleiro, pavimentos, sistemas de drenagem, abastecimento de água e electricidade, armazéns, escritórios e vedação de todo o perímetro do porto.

O projecto inclui ainda a aquisição de uma grua móvel de grande porte a ser utilizada no manuseamento de carga no porto.

A gestão do Porto de Quelimane foi confiada à firma privada Cornelder Quelimane, em Julho de 2004, ao abrigo de um acordo de concessão válido por vinte e cinco anos.

A política de concessão de portos tem em vista assegurar o envolvimento do sector privado no financiamento e execução de investimentos em infra-estruturas, equipamentos, tecnologias de informação e manutenção dos sistemas ferro-portuários nacionais, possibilitando a geração de retornos tanto para o Governo como para a CFM. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH