Governo de Angola cria entidade reguladora para energia atómica

14 September 2007

Luanda, Angola, 14 Set – O governo angolano aprovou na quarta-feira a criação da Autoridade Reguladora da Energia Atómica, que terá poderes para coordenar, controlar e fiscalizar as acções relacionadas com o uso de fontes, materiais, dispositivos e substâncias radioactivas.

A aprovação do regulador, bem como dos seus estatutos e orgânica, saiu do Conselho de Ministros extraordinário de quarta-feira, de acordo com a agência noticiosa angolana Angop.

Entretanto, o ministro da Ciência e Tecnologia, João Baptista Ngandajina, participa, de 17 a 21 deste mês, na 51ª sessão ordinária da Conferência Geral da Agência Internacional de Energia Atómica.

De acordo com a Angop, Angola irá apresentar no evento, que decorre na capital austríaca, Viena, a nova lei de energia atómica do país, aprovada em Junho.

Angola é membro da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) desde 1999. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH