Moçambique vai pagar dívida a Portugal ainda este ano – ministro

11 October 2007

Brasília, Brasil, 11 Out – Moçambique vai pagar ainda este ano a dívida de 700 milhões de dólares a Portugal relativos à Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB), garantiu quarta-feira em Brasília o ministro moçambicano da Energia, Salvador Namburete.

“Cahora Bassa vai ficar com os moçambicanos e falta pouco. Nós temos o compromisso de pagar ao governo português até dia 31 de Dezembro próximo e essa dívida será paga em breve”, afirmou.

Salvador Namburete adiantou à agência noticiosa portuguesa Lusa que será assinado proximamente um acordo entre o governo moçambicano e o banco francês Calyon, em associação com o BPI, vencedor de um concurso público realizado em Fevereiro, para o pagamento dos 700 milhões de dólares a Portugal.

Namburete falava à Lusa à margem da II Enerbio, evento que inclui na sua programação em Brasília, de 09 a 11 de Outubro, uma conferência internacional dos biocombustíveis.

No mês passado, por ocasião da visita do Presidente Armando Guebuza a Brasília, Moçambique e Brasil assinaram um acordo para implementar um plano de cooperação na área dos combustíveis renováveis.

Salvador Namburete instou empresários brasileiros a investirem em Moçambique, lembrando que o país tem bom clima, muita água, 36 milhões de hectares de terra aráveis e outros 41 milhões que podem ser melhorados, além de boas condições para receber investimentos estrangeiros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH