Brasileira Camargo Corrêa investe em cimenteiras em Angola e Moçambique

24 October 2007

São Paulo, Brasil, 24 Out – A brasileira Camargo Corrêa vai investir 270 milhões de dólares na construção de cimenteiras em Angola e Moçambique nos próximos dois anos, afirmou o director da “holding” José Edison Barros Franco.

Em Angola, a empresa pretende construir duas cimenteiras para abastecer o mercado interno, que será abastecido a partir do Brasil até à entrada em funcionamento das duas unidades.

“África já é uma das nossas frentes de expansão, no sector de construção, Angola e Moçambique são mercados com potencial excepcional, com grande carência de produção e consumo crescente”, disse Barros Franco.

No total, o grupo Camargo Corrêa fará um investimento de mais de 5 mil milhões de dólares até 2012 sendo investidos apenas na área de cimento mais de 2 mil milhões de dólares nos próximos três anos.

A empresa planeia abrir novas fábricas de cimento no Brasil e em países da América do Sul e África, nos próximos dois anos.

A intenção é posicionar a Camargo Corrêa Cimentos como Top 20 da indústria mundial e a principal no mercado na América Latina até 2012. Actualmente, a empresa é a 37ª do mundo.

Para o Brasil, estão previstos investimentos de 350 milhões de dólares na criação de duas novas fábricas com capacidade de 1 milhão de toneladas por ano cada uma no Centro-Oeste e outra no Norte. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH