Moçambique: Delegação chinesa em Maputo para discutir centro agrícola

8 November 2007

Maputo, Moçambique, 08 Nov – Uma delegação chinesa visitará Maputo brevemente a fim de negociar os pormenores finais para a construção do Centro de Teconologia e Desenvolvimento Agrícola, afirmou quarta-feira em Maputo o conselheiro económico da embaixada da China.

O acordo de príncipio para a construção do centro foi alcançado aquando da visita do presidente Hu Jintao da China a Moçambique em Fevereiro passado.

A ideia inicial era a de construir o centro na província de Nampula mas a sua localização foi posteriormente alterada para Boane, na província de Maputo.

O conselheiro económico da embaixada da China, Cheng Changhe, disse à agência noticiosa moçambicana AIM que o centro irá cobrir uma área de 30 hectares não estando ainda decidido qual o montante a investir no projecto.

“Quando o centro entrar em funcionamento, técnicos agrícolas virão a Moçambique para começar a desenvolver variedades híbridas de arroz, soja e outras plantas”, adiantou Cheng.

Além do estádio nacional cuja construção deverá ter início no primeiro semestre de 2008, a China está a apoiar outros projectos em Moçambique, nomeadamente a expansão do aeroporto de Maputo e a criação de um centro de tecnologia.

O comércio entre a China e Moçambique tem vindo a aumentar tendo atingido 208 milhões de dólares em 2006, 26 por cento mais do que um ano antes. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH