Moçambique: Malawi volta a utilizar porto de Nacala

13 November 2007

Maputo, Moçambique, 13 Nov – O porto de Nacala processou em Setembro uma tonelagem recorde de carga devido à sua utilização pelos exportadores e importadores do Malawi, informou na sua edição de segunda-feira o diário Notícias, de Maputo.

Em declarações ao jornal, Fernando Couto, administrador executivo do Corredor de Desenvolvimento de Nacala (CDN), a entidade privada a que foi concessionada em 2005 a gestão do sistema ferro-portuário do norte moçambicano, disse que 119 351 toneladas de mercadoria passaram pelo Porto de Nacala em Setembro passado, o que traduz um aumento de 63 por cento relativamente a Agosto.

O porto processou até Setembro deste ano 4 107 contentores, um aumento de 55 por cento relativamente ao número de contentores movimentados até ao mesmo mês de 2006.

Para estes resultados positivos no manuseio de carga no Porto de Nacala e na linha férrea do norte de Moçambique, contribuíram as importações de fertilizantes e matéria-prima para a produção de cimento pelo Malaui e as exportações de tabaco deste país.

Deste Setembro deste ano, foram desembarcadas no Porto de Nacala 60 mil toneladas de fertilizantes com destino ao Malaui, metade dos quais foram transportados através da linha férrea, disse Couto.

Em finais de Setembro do ano em curso, foram movimentadas pela linha férrea que liga Nacala e Entre-Lagos, no território moçambicano, 31 356 toneladas de mercadoria diversa, contra 20 678 transportadas durante todo o ano passado, sublinhou Fernando Couto. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH