Macau: Orçamento sobe 32,6 por cento em 2008 para 40,97 mil milhões de patacas

14 November 2007

Macau, China, 14 Nov – A proposta de orçamento de Macau para 2008 vai crescer 32,6 por cento para 40,97 mil milhões de patacas (5 mil milhões de dólares) e prevê já um saldo positivo de 8,4 mil milhões de patacas, revelam dados oficiais.

Um resumo do documento apresentado terça-feira aos deputados da Assembleia Legislativa indica que o orçamento de Macau contabiliza receitas correntes no valor de 38,1 mil milhões de patacas com os impostos directos a totalizarem 29 mil milhões de patacas.

As receitas de capital irão atingir 2,8 mil milhões de patacas, destacando-se nesta área orçamental a rubrica referente a outras receitas de capital com uma previsão de 2,6 mil milhões de patacas.

No capítulo da despesa, os Investimentos do Plano estão orçamentados com 8,4 mil milhões de patacas, a maior fatia da previsão de gastos da administração.

Por serviços, as grandes fatias da despesa pública continuam a ser dedicadas à Saúde, Educação, Forças de Segurança e Acção Social.

Até Setembro, as receitas públicas totais do governo totalizaram 28.972,6 milhões de patacas contra despesas de 9.836,3 milhões de patacas.

Dados oficiais indicam também que as receitas totais estão a subir 47,4 por cento face aos três primeiros trimestres de 2006 e cumpridas em 93,8 por cento do total previsto para o orçamento de 2006.

No capítulo da despesa, destaque para os gastos no Plano de Despesas de Desenvolvimento da Administração (PIDDA), orçamentados em 7.300 milhões de patacas, mas apenas cumpridos em 19,3 por cento, uma quebra de 7,3 por cento comparativamente a Setembro de 2006 e com uma despesa efectuada de 1.409,4 milhões de patacas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH