Moçambique: Governo pretende privatizar Reserva do Maputo

15 November 2007

Pemba, Moçambique, 15 Nov – O governo de Moçambique vai em breve lançar um concurso público internacional para entregar a gestão da Reserva de Maputo a uma empresa privada a fim de aumentar a oferta turística, afirmou quarta-feira em Pemba um quadro do Ministério do Turismo.

A reserva fica situada a 120 quilómetros a sul de Maputo, a capital, tem uma área de 10 mil hectares e, de acordo com o director nacional das Áreas de Conservação, Bartolomeu Soto, “dispõe de diversos tipos de fauna e flora que podem atrair turistas”.

Em Julho passado, o governo anunciou que ia investir 54 milhões de dólares na recuperação dos parques nacionais e na fauna correspondente depois de uma guerra civil de 17 anos que terminou há 15.

A guerra civil reduziu de uma forma dramática as manadas de animais selvagens nos parques e reservas nacionais com as minas e outros engenhos explosivos a tornarem muito arriscados os percursos fora das estradas principais.

Moçambique espera beneficiar de um influxo de turistas aquando do Campeonato do Mundo de futebol de 2010 na África do Sul. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH