Cabo Verde: Empresa portuguesa investe em estância turística na ilha do Sal

28 November 2007

Lisboa, Portugal, 28 Nov – A empresa portuguesa Oásis Atlântico vai investir 57 milhões de euros no novo projecto que junta as vertentes turística e imobiliária, o Salinas Resort, em Cabo Verde, afirmou terça-feira em Lisboa o seu administrador para a área do imobiliário.

Em declarações à agência noticiosa portuguesa Lusa, Mário Antão disse que o montante mencionado inclui o investimento nas duas fases do projecto, a desenvolver na Ilha do Sal.

O Salinas Resort, localizado em Santa Maria, será um complexo de luxo que integra um aparthotel de cinco estrelas com piscinas, “spa” e salas de conferências, numa área bruta de construção superior a 45 mil metros quadrados.

Numa primeira fase, a empresa avança com o Salinas Sea, na Praia de Santa Maria, num terreno com cerca de 17.500 metros quadrados. e mais tarde inicia-se a construção do Salinas Sand, que fica localizado atrás do Salinas Sea, e que vai manter a classificação cinco estrelas.

Uma informação da Oásis Atlântico, Hotels & Resorts informa que o empreendimento, que se encontra já em comercialização, apresenta uma taxa de valorização mínima de 10 por cento ao ano para os investidores que adquiram unidades neste momento.

“Os preços durante a construção irão sofrer aumentos entre cinco e 10 por cento”, refere a empresa, e os promotores do Salinas Resort acreditam que o retorno do investimento seja atingido dentro de três a quatro anos, embora não avancem qualquer montante. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH