Macau: Companhia Cotai Waterjets inicia ligações marítimas com Hong Kong

29 November 2007

Macau, China, 29 Nov – A companhia marítima Cotai Waterjets, ligada à empresa que gere o casino e estância turística Venetian Macau, inicia sexta-feira carreiras entre Hong Kong e o terminal provisório de Pac-On, localizada na Ilha da Taipa junto ao aeroporto de Macau.

A Cotai Waterjets vai utilizar na rota entre Hong Kong e Macau navios do tipo catamarã de 48 metros de comprimento, construidos pela empresa australiana Austral Ships, com uma capacidade de 411 passageiros e uma velocidade de 42 nós.

A companhia de navegação tem neste momento cinco catamarãs, de cor azul com a indicação “The Cotai Strip”, prontos a efectuar as carreiras estando outros sete a serem construídos nos estaleiros australianos.

Cada catamarã custa cerca de 10 milhões de dólares americanos.

Os catamarãs da Cotai Waterjets vão utilizar em Hong Kong o terminal marítimo do Shun Tak Centre e os serviços de bilhetes e logística ficarão a cargo da Chu Kong Passenger Services (CKS) que utiliza o mesmo terminal marítimo.

A CKS efectua ligações marítimas na zona do Delta do rio das Pérolas ligando Hong Kong a Shenzhen, Dongguan, Cantão, Shunde, Foshan, Zhongshan, JIangmen e Zhuhai.

A companhia de navegação TurboJet do grupo Shun Tak, dirigido por Pansy Ho, filha do magnata do jogo Stanley Ho, que possui a maioria das ligações marítimas entre Hong Kong e Macau, não utilizará o novo terminal localizado na ilha da Taipa junto ao aeroporto por decisão do governo de Macau.

A companhia marítima Cotai Waterjets manifestou já interesse em fazer também ligações directas entre Macau e o aeroporto de Hong Kong.

Os estaleiros australianos da Austral Ships estão também a construir dois catamarãs de 47 metros para a New World First Ferry (Macau) que efectua ligações entre Tsim Sha Tsui em Hong Kong e Macau.

A empresa já construiu 36 catamarãs que se encontram em funcionamento nas águas da República Popular da China e de Hong Kong. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH