Angola: BIC quer encerrar o ano com 2 mil milhões de dólares em depósitos

18 December 2007

Luanda, Angola, 18 Dez – A administração do Banco Internacional de Crédito espera fechar o ano de 2007 com mais de dois mil milhões de dólares em depósitos, afirmou segunda-feira em Luanda o presidente da comissão executiva, Fernando Teles.

Em declarações à agência noticiosa angolana Angop, Teles disse que o montante de depósitos contabilizado até ao momento, 1,9 mil milhões de dólares, corresponde a 60 por cento à ordem e os restantes 40 por cento a prazo.

Fernando Teles disse ainda que o banco que dirige conseguiu cumprir com os objectivos traçados no princípio do ano, ao aumentar o número de clientes, depósitos, créditos disponibilizados e ao proceder à abertura de novos balcões em todo o país.

No tocante a empréstimos a particulares, empresas e projectos ligados à reconstrução civil no país, o gestor disse que, até agora, o crédito utilizado está estimado em um 1,3 mil milhões de dólares, enquanto o aprovado está calculado em 1,6 mil milhões de dólares.

Em função destes valores, acrescentou Fernando Teles, o BIC é a terceira instituição financeira de Angola que mais crédito concedeu a particulares e a empresas, depois dos bancos de Poupança e Crédito e Fomento Angola.

O BIC iniciou a sua actividade em Maio de 2005, tem agora 220 mil clientes em todo o país, e emprega 875 trabalhadores, num universo de 80 agências, das quais 43 estão sediadas em Luanda. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH