Brasil: Trocas comerciais com países de língua portuguesa crescem 37,47 por cento nos primeiros 11 meses de 2007

26 December 2007

São Paulo, Brasil, 26 Dez – As trocas comerciais entre o Brasil e os países de língua portuguesa cresceram 37,47 por cento nos onze primeiros meses deste ano na comparação com igual período de 2006, para 4.047 milhões de dólares, segundo dados do Ministério brasileiro do Comércio Exterior.

O saldo positivo da balança comercial brasileira com a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) entre Janeiro e Novembro de 2007 foi de 1.541 milhões de dólares.

As exportações brasileiras registaram alta de 27 por cento até Novembro deste ano na comparação com 2006, para 2.794 milhões de dólares, enquanto as importações cresceram 68,2 por cento, totalizando 1.253 milhões de dólares.

Os produtos mais exportados foram os óleos brutos de petróleo, com 567 milhões de dólares, seguido por soja em grão (235 milhões de dólares) e milho em grão (119 milhões de dólares).

Apesar de estar na liderança da pauta de exportações do Brasil para o conjunto de países lusófonos, o petróleo bruto registrou uma queda de 9,75 por cento entre 2006 e 2007. No mesmo período, no entanto, a exportação de gasolina e ou combustíveis derivados de petróleo subiu 83,2 por cento, para 74,85 milhões de dólares.

O principal destino das exportações brasileiras na CPLP foi Portugal, que comprou 1.625 milhões de dólares em produtos brasileiros, seguido por Angola (1,1 mil milhões de dólares) e Cabo Verde (33,2 milhões de dólares). Apesar de seu peso ainda ser pequeno como destino dos produtos brasileiros, São Tomé e Príncipe registou a maior alta do período (186,47 por cento) e aparece em sexto na lista.

O crescimento das exportações brasileiras para Angola no acumulado de 2007 foi de 49,38 por cento, enquanto para Portugal a alta foi menos expressiva, de 16,16 por cento.

Moçambique foi o único país lusófono que importou menos produtos brasileiros em 2007 na comparação com 2006. As exportações brasileiras para o país entre Janeiro e Novembro desde ano foram de 22,95 milhões de dólares, uma queda de 26,36 por cento em relação à 2006.

Entre as importações brasileiras da CPLP, o produto de maior destaque na pauta foi o petróleo bruto (841 milhões de dólares). Também se destacam no período as importações de propano e butano liquefeitos e azeite de oliveira.

O principal fornecedor de produtos para o Brasil dentro da CPLP é Angola, que exportou, nos primeiros 11 meses de 2007, um total de 944,47 milhões de dólares, alta de 139,6 por cento na comparação com 2006. O segundo país do qual o Brasil mais importou no período foi Portugal (308,48 milhões de dólares), seguido por Cabo Verde (64.147 dólares).

No mês de Novembro último, as trocas comerciais entre o Brasil e a CPLP foram de 344,44 milhões de dólares, uma queda de 11,2 por cento em relação a Novembro de 2006 e de 37,17 por cento na comparação com outubro de 2007. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH