São Tomé e Príncipe: Grupo são-tomense investe no turismo no arquipélago

9 January 2008

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 09 Jan – O grupo empresarial Gibela, de São Tomé e Príncipe, vai investir, ainda este ano, 16 milhões de dólares em infra-estruturas turísticas no arquipélago, anunciou terça-feira em São Tomé o presidente da empresa, Aurélio Martins.

Em declarações à Macauhub, Aurélio Martins disse que este projecto de investimento turístico compreenderá, sobretudo, a construção de um complexo residencial na ilha de São Tomé, com vários edifícios de luxo avaliado em 10 milhões de dólares.

Adiantou que além do empreendimento residencial destinado ao negócio de aluguer ou venda, o projecto turístico do Gibela compreenderá ainda a edificação de uma “vila-Resort” estimada em 6 milhões de dólares na praia Pomba, situada a sete quilómetros da capital.

Para além deste investimento turístico, o grupo, que opera também em Angola, projecta ainda para 2008 injectar pouco mais de três milhões de dólares na construção de uma universidade para leccionar, entre outras disciplinas, medicina e agronomia no arquipélago são-tomense.

Além de construção civil, o grupo Gibela, sustentado com capital de sócios angolanos, tem investido também nos domínios de comércio, através de importação e exportação de mercadorias entre Angola e São Tomé e Príncipe. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH