Moçambique: Cahora Bassa quer pagamento para retomar fornecimento ao Zimbabwe

11 January 2008

Maputo, Moçambique, 11 Jan – O Zimbabwe terá de pagar pelo menos 10 milhões de dólares da dívida acumulada para que a Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB) restabeleça o fornecimento de energia eléctrica, informou o jornal Notícias, de Maputo.

O jornal cita Julião Pondeca, adjunto do Conselho de Administração para o Desenvolvimento Estratégico e Comercial da HCB, que, em declarações à agência noticiosa moçambicana AIM disse que a HCB está em contacto diário com a ZESA (Zimbabwe Electricity Supply Authority), a empresa zimbabweana de produção e distribuição de electricidade, para se encontrar uma solução para o problema e assinar o contrato relativo a 2008.

De acordo com Julião Pondeca, a dívida vencida do Zimbabwe para com a HCB era de 18,7 milhões de dólares e a verba por vencer ainda este mês estava estipulada em quatro milhões de dólares.

A HCB já tinha advertido o Zimbabwe quando em meados de Dezembro reduziu o fornecimento de energia eléctrica de 150 para 75 megawatts mas como, a ZESA não pagou um tostão da dívida, a 28 de Dezembro passado foi o mesmo cortado.

Na véspera do Ano Novo o fornecimento foi retomado mas como nenhum pagamento foi efectuado, contrariamente às promessas recebidas, a 1 de Janeiro o fornecimento de energia eléctrica foi de novo cortado. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH