Cabo Verde: União Europeia financia projecto energético em Santo Antão

28 January 2008

Praia, Cabo Verde, 28 Jan – Duas localidades da ilha de Santo Antão, em Cabo Verde, vão beneficiar de um programa co-financiado pela União Europeia de abastecimento energético com base em energias renováveis.

Orçado em 163 mil contos cabo-verdianos, 70 por cento dos quais financiados pela União Europeia (UE) através do fundo para os países da África, Caraíbas e Pacíficas (ACP), o projecto beneficiará as localidades do Tarrafal e Monte Trigo na ilha agrícola de Santo Antão e tem um prazo de execução de 36 meses.

Assinado na quinta-feira na cidade da Praia o contrato de financiamento, o projecto visa suprir as necessidades energéticas básicas das duas povoações, através de duas micro-redes baseadas em energias renováveis (solar e hidráulica) durante 24 horas por dia e a criação de esquemas de gestão de operação e manutenção que permitam a sustentabilidade a longo prazo.

Santo Antão é uma das nove ilhas habitadas de Cabo Verde, localizada no grupo do Barlavento, a noroeste, e segunda maior do arquipélago em superfície e a terceira em população, com aproximadamente 40 km de extensão longitudinal e cerca de 20 km de largura.

De origem vulcânica, Santo Antão é a ilha mais ocidental de Cabo Verde e a mais afastada do continente africano, pelo que o seu extremo oeste é considerado o ponto mais ocidental de África. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH