Angola: Governo abre concurso público para construir e recuperar 12 aeródromos

5 February 2008

Luanda, Angola, 05 Fev – Empresas angolanas, espanholas e suiças apresentaram propostas para a construção e recuperação de 12 aeródromos de Angola, anunciou segunda-feira em Luanda a Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e Navegação Aérea (Enana-Ep).

As empresas Teletrinf, H3ptilca/Ana, Sul. Avec, Africon-Bks, Consulgal-Angola, Norvia/Promode, Lumanco, Sigma-Space candidataram-se à construção e reabilitação dos aérodromos de Benguela, Cabinda, Catumbela, Dundo, Huambo, Kuito, Lubango, Luena, Malanje, MBanza-Congo, Menongue e Namibe.

O presidente da mesa do júri para projectos executivos da Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e Navegação Aérea (Enana-Ep), Luís Coelho, disse que depois da primeira fase, referente à entrega das propostas financeiras dos projectos, seguir-se-á uma segunda etapa destinada a analisar “as soluções técnicas que cada empresa apresenta para reparação e construção dos aeroportos” de Angola.

Luís Coelho garantiu ainda que a Enana-Ep vai escolher empreiteiras que tenham “qualidade técnica para construir e reabilitar aeroportos” independentemente de serem angolanas ou estrangeiras.

A notícia dada pelo Jornal de Angola não revela nem o montante das empreitadas nem a data da sua realização. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH