Moçambique: Empresa do Dubai vai investir no Bilene

18 February 2008

Dubai, Emiratos Árabes Unidos, 18 Fev – A empresa para África da “holding” estatal Dubai World anunciou ir investir 200 milhões de dólares no Bilene, uma zona de veraneio próxima da capital de Moçambique.

De acordo com o jornal Emirates Business, a Dubai World Africa vai construir no local um hotel de cinco estrelas e cabanas de praia e apartamentos bem como um campo de golfe de padrão internacional, que serão servidos por um aeroporto próprio.

O local onde vai ser construído este projecto compreende a lagoa de São Martinho, uma reserva natural e uma área de praia onde as tartarugas depositam os seus ovos.

O turismo ecológico vai ser o foco deste projecto de desenvolvimento com a reserva natural a ser futuramente gerida pela Dubai World Conservation Africa, que está a ser transformada em “holding” de um conjunto de reservas naturais.

Esta estância turística disporá de todo o equipamento necessário para a prática de desportos aquáticos, incluíndo um centro de mergulho a fim de permitir que os seus clientes possam apreciar devidamente os extensos recifes de corais e a vida marinha.

A Dubai World já investiu em Moçambique, nomeadamente através da aquisição de uma participação no terminal de contentores de Maputo e, mais recentemente, na empresa que gere o porto de Maputo, juntamente com a sul-africana Grindrod e a Caminhos de Ferro de Moçambique. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH