Moçambique: Comissão Europeia apoia associações de agricultores

22 February 2008

Maputo, Moçambique, 22 Fev – A União Europeia vai apoiar com 6 milhões de euros as associações de agricultores de Moçambique bem como a expansão dos serviços de micro-finanças para as zonas rurais, informou o jornal Notícias, de Maputo, citando comunicados da delegação da Comissão.

Um dos comunicados refere que programa de apoio às associações de agricultores, orçado em 4 milhões de euros, tem como objectivo geral garantir a segurança alimentar ao nível dos agregados familiares, promovendo o papel dos pequenos e médios agricultores para o desenvolvimento económico das comunidades rurais em Moçambique.

A duração dos projectos não poderá ser superior a 42 meses e que as subvenções não podem exceder 80 por cento dos custos do projecto e devem situar-se entre o montante mínimo de 50.000 Euros e o máximo de 400.000 euros.

“As actividades serão desenvolvidas em uma ou em várias províncias de Moçambique. Os requerentes podem concorrer individualmente ou em consórcio com organizações parceiras”, pode ler-se no comunicado da delegação.

Um segundo comunicado refere que a delegação da Comissão Europeia em Moçambique, em colaboração com o Ministério da Indústria e Comércio, lançou um convite para a apresentação de propostas para a realização do programa de apoio à expansão de serviços de micro finanças nas zonas rurais.

A iniciativa é igualmente financiada no âmbito do Programa Plurianual de Segurança Alimentar da Comissão Europeia em Moçambique, com um montante global indicativo de 2 milhões de euros. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH