Angola: União Europeia investiu 40 milhões de euros no sector das águas

10 March 2008

Luanda, Angola, 10 Mar – A União Europeia (UE) investiu 40 milhões de euros no sector das águas e saneamento em Angola de 2002 a 2007, afirmou sexta-feira em Luanda o director da delegação da UE, João Ferreira.

Ao discursar na abertura do seminário sobre “Diagnóstico do sector de Abastecimento de Águas e Saneamento”, João Ferreira acrescentou que aquele montante destinou-se tanto ao fortalecimento das instituições como ao abastecimento de água potável nas zonas rurais.

Por sua vez, o director nacional de Águas, Gomes da Silva, disse que o Governo está a realizar um projecto no domínio das águas em colaboração com a União Europeia, que está a decorrer a bom ritmo.

Como mais-valia dessa cooperação apontou a reabilitação de 15 sistemas de abastecimento de água que começaram a funcionar em 2007, mas os programas, segundo ele, deverão estender-se até meados de 2009.

Gomes da Silva reconheceu existirem atrasos na conclusão de algumas obras, mas garantiu que tudo está a ser feito para resolver o problema de distribuição de água no país o mais rápido possível.

A colaboração entre a União Europeia e Angola foi considerada por Gomes da Silva como oportuna para completar o diagnóstico do sector e ter uma ideia clara da realidade do país no domínio das águas.

Gomes da Silva anunciou ainda que em Abril próximo vai ter início o programa “Água para Todos” nas diferentes províncias, à excepção de Luanda e Benguela que possuem programas especiais no valor global de 600 milhões de dólares.

O programa, com a duração de cinco anos, destina-se apenas às zonas rurais e deverá abranger 300 localidades, entre aldeias, comunas e municípios, com o objectivo de que em 2012, cerca de 80 por cento da população angolana do meio rural esteja servida por água potável. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH