China: “Porta aberta” para São Tomé e Príncipe entrar no fórum de cooperação com países de língua portuguesa

13 March 2008

Macau, China, 13 Mar – A China tem a “porta aberta” para São Tomé e Príncipe entrar no Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, afirmou quarta-feira em Macau Zhao Chuang, novo secretário-geral do secretariado permanente do fórum.

Em declarações à agência noticiosa portuguesa Lusa, Zhao disse que a participação em 2006 em Macau de uma ministra de São Tomé e Principe na reunião ministerial foi um “símbolo” da reunião e garantiu que, no âmbito dos objectivos do fórum, a China tem a “porta aberta a todos os países de língua portuguesa que queiram participar”.

São Tomé e Príncipe é o único país de língua oficial portuguesa que mantém relações diplomáticas com Taiwan.

Nas suas novas funções, Zhao Chuang, que era conselheiro comercial do departamento de Cooperação Internacional do Ministério do Comércio da China, garantiu que se vai empenhar na “promoção dos assuntos económicos e comerciais”, entre a China e os países de língua portuguesa, e “trabalhar na concretização do plano de acção de cooperação da segunda conferência ministerial de 2006”.

Zhao Chuang disse também que em 2008, as trocas comerciais entre a China e os países de língua portuguesa deverão ultrapassar 50.000 milhões de dólares, uma meta que apenas se previa ser atingida no final de 2009.

O comércio entre a China e os países de língua portuguesa cresceu 35 por cento em 2007 para 46,35 mil milhões de dólares.

A China designou Macau como a ponte para os contactos com os países da lusofonia em 2003 e o território passou a ser a plataforma de cooperação multilateral com a lusofonia, organizando de três em três anos a conferência ministerial. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH