Cabo Verde: União Europeia financia projecto de tratamento de resíduos sólidos

24 March 2008

Praia, Cabo Verde, 24 Mar – A União Europeia vai financiar em 5,1 milhões de euros o Projecto de Gestão Integrada de Detritos Sólidos Urbanos (DSU) da ilha de Santiago nos termos de um acordo quinta-feira assinado com o governo de Cabo Verde.

O projecto, financiado no âmbito do 9º FED (Fundo Europeu de Desenvolvimento), visa dotar a ilha de Santiago de um sistema de gestão integrada de DSU, bem como de infra-estruturas necessárias à uma prestação de serviços de recolha e tratamento de resíduos “eficiente” e com “qualidade” para os seus residentes.

Na mesma ocasião, foi assinado um protocolo para a implementação do projecto entre o governo e a Associação dos Municípios de Santiago (AMS), que visa consensualizar as soluções técnicas e institucionais propostas para a prossecução dos objectivos a nível deste município.

Para o presidente da AMS, Felisberto Vieira, este projecto, que prevê a criação de três aterros sanitários na região (um na fronteira Praia/São Domingos e dois em Santiago Norte ), contribuirá para “tornar melhor e ainda mais apetecível e saudável o ambiente de Santiago”. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH