São Tomé e Príncipe: Arquipélago assume presidência rotativa da Autoridade Conjunta de Exploração de Petróleo

25 March 2008

São Tomé, São Tomé e Príncipe, 25 Mar – São Tomé e Príncipe assumiu a presidência rotativa da Autoridade Conjunta de exploração de petróleo com a Nigéria na zona de comum acordo entre os dois países, anunciou segunda-feira o presidente são-tomense, Fradique de Menezes.

Num decreto presidencial, o chefe de Estado são-tomense nomeou o economista são-tomense, Jorge Santos, para exercer o cargo de presidente deste órgão encarregue de administrar e gerir os recursos petrolíferos em nome dos dois Estados na base de um tratado de exploração conjunta que estabelece 60 por cento de receitas para a Nigéria e os restantes 40 por cento para São Tomé e Príncipe.

Tratando-se de um órgão técnico que funciona sob a orientação da política traçada pelo Conselho Ministerial, órgão político formado por ministros dos dois países, a Autoridade Conjunta é liderada por uma direcção composta por quatro directores, sendo dois de cada país, dentre os quais um assume a presidência rotativa do organismo criado em Fevereiro de 2002 com sede em Abuja, Nigéria.

Para um mandato de 12 meses, Jorge Santos, que exercia o cargo de director comercial e de investimentos da zona, terá como a sua primeira missão a organização em Maio próximo em São Tomé de uma reunião do Conselho Ministerial, a fim de se decidir sobre a adjudicação de dois dos seis blocos da zona bem como a aprovação do orçamento da Autoridade Conjunta para 2008 estimado em 13 milhões de dólares.

A liderança de São Tomé e Príncipe na Autoridade Conjunta acontece poucos dias depois do primeiro-ministro são-tomense, Patrice Trovoada, ter manifestado preocupação face à “lentidão”, sobretudo, por parte de algumas empresas já seleccionadas para prospecção de blocos desta zona.

Somente a Chevron Texaco efectuou uma primeira perfuração num bloco dos seis blocos da zona, sem no entanto revelar descoberta comercial, enquanto a chinesa Sinopec e a Addax Petroluem da Suíça agendaram para Agosto do ano em curso o início de prospecção em dois poços, não havendo qualquer informação relativamente às outras empresas que detêm o direito de operar nesta área de comum acordo entre ambos os Estados. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH