Angola: Portuguesa Escom vai construir hidroléctrica do Luapasso na Lunda Norte

26 March 2008

Luanda, Angola, 26 Mar – A Escom Mining Energy, do grupo português Espírito Santo, vai construir a hidroeléctrica do Luapasso, na província angolana da Lunda Norte, nos termos do contrato terça-feira assinado em Luanda com a Agência Nacional de Investimento Privado (ANIP).

O contrato, no valor de 120 milhões de dólares, engloba a construção de um sistema hidroeléctrico e demais estruturas, bem como a instalação de equipamentos para produção, transporte, distribuição e comercialização de energia eléctrica entre a localidade de Luapasso e a da concessão diamantífera do Luó.

A hidroeléctrica do Luapasso terá uma capacidade de produção instalada de 26 megawatts.

A Escom Mining Energy, fundada em 1993, começou a sua actividade ligada ao comércio, apostando depois na diversificação dos investimentos com o objectivo de dar continuidade histórica à presença do grupo Espírito Santo em África.

O grupo é actualmente um dos maiores investidores privados estrangeiros em Angola e opera também no Congo-Brazzaville e na prestação de serviços na África do Sul e em Moçambique.

Os investimentos privados a efectuar no interior de Angola beneficiam de incentivos fiscais e aduaneiros, que visam motivar os investidores nacionais e estrangeiros a desenvolver a sua actividade económica em todo o país. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH