Brasil: Embraer vende 36 aviões à mais nova empresa brasileira de aviação

28 March 2008

São José dos Campos, Brasil, 28 Mar – A Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer) anunciou quinta-feira ter vendido 36 aviões a jacto do modelo 195 à mais nova empresa brasileira de aviação, ainda sem nome comercial, com opções e direitos de compra para mais 40 unidades.

Em comunicado divulgado na sua página electrónica, a Embraer informa que o valor da venda é de 1,4 mil milhões de dólares, podendo chegar a 3 mil milhões de dólares, caso todas as opções e direitos de compra sejam confirmados.

Dirigida por David Neeleman, ex-presidente da norte-americana Jet Blue, a nova empresa brasileira para voos domésticos já registou o pedido para a obtenção das licenças junto das autoridades aeronáuticas e lançará em breve uma campanha de “marketing” para divulgação do nome e da marca.

Ainda de acordo com o empresário, o Embraer 195 apresenta custos competitivos por assentos e por viagens, mesmo com um número menor de passageiros, em relação aos demais modelos oferecidos no mercado.

Com autonomia de mais de 4.000 quilómetros, o modelo 195 da Embraer será configurado em classe única, com capacidade para 118 passageiros numa cabina, com dois assentos em couro de cada lado do corredor.

A nova transportadora aérea, cujo nome será conhecido a 5 de Maio próximo, depois de um processo de escolha e votação pela Internet, deverá começar a voar em Janeiro de 2009, sendo o investimento inicial de 150 milhões de dólares, com financiadores brasileiros e estrangeiros.

Os três primeiros aviões da encomenda feita à Embraer serão entregues em Dezembro de 2008 e os restantes no prazo de três anos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH