Angola: Brasileira OceanAir adia “sine die” inauguração de voos entre São Paulo e Luanda

7 April 2008

Luanda, Angola,07 Abr – A companhia aérea brasileira OceanAir anunciou hoje em Luanda que os voos entre São Paulo e Luanda, previstos para se iniciarem em Maio, foram adiados “sine die”.

Responsáveis da empresa que se encontram em Luanda disseram que o adiamento se deve a razões de ordem técnica e operacional.

A OceanAir havia indicado que os voos entre o Brasil e Angola começariam a 05 de Maio próximo.

A OceanAir, a terceira maior companhia brasileira de aviação civil, revelou que irá realizar três voos semanais (segundas, quartas e sexta-feiras) na sequência de estudos de viabilizados que apontavam para o mercado potencial que existe.

“Angola é um país que está a crescer muito rápidamente ao nível económico, atraindo investimentos brasileiros e aumentando o fluxo de funcionários e empresas que se estabelecem no país”, disse German Efromovich, presidente da OceanAir.

Os voos da OceanAir serão feitos com um Boeing do tipo 767-300 ER, com capacidade para 203 passageiros.

Criada em 1998, a OceanAir conta na sua frota com 3 Boeing 767-300, 3 Boeing 737, 1 Boeing 757, 15 jactos MK-28, 5 Fokkers-50 e 4 Brasília.

Em 2007, a companhia adquiriu 28 Airbus, sendo 14 jactos A 319, que serão utilizados para voos domésticos e para a América Latina, sete jactos A 320 também para voos domésticos e América Latina e sete A 330 que irão operar nas rotas internacionais.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH