Angola: Província do Quanza Sul retoma produção de algodão com capitais de Angola e Coreia do Sul

24 April 2008

Luanda, Angola, 24 Abr – O governo de Angola e a empresa sul-coreana Hanil Engineering and Construction vão investir cerca de 40 milhões de dólares num programa destinado a retomar a produção de algodão na província angolana do Quanza Sul, escreve o jornal de Angola.

O programa orientado para as zonas de Ngangula e Kipela, no município do Sumbe deverá estar concluído em Março de 2009 e consiste numa primeira fase na construção de infra-estruturas para o sistema de irrigação que compreende duas estações de captação e bombeamento de água a partir do rio Kuvo e três reservatórios.

O coordenador do projecto, Abel Bala Kinzeca, revelou que após a conclusão da construção das infra-estruturas e do resultado de testagem do material a ser empregue, será instalada uma fábrica para o descaroçamento do algodão.

Depois de Malanje e Benguela, a província do Quanza Sul foi a que mais quantidade de algodão produziu antes da independência de Angola em 1975.

A região do Quanza Sul atingiu a maior safra em 1973 e envolveu os municípios do Sumbe, Porto Amboim e Seles. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH