Macau: Saúde financeira de Macau é sólida segundo a agência de notação Moody´s

25 April 2008

Hong Kong, China, 25 Abr – A saúde financeira de Macau é sólida embora haja alguns riscos que tornam o território vulnerável a choques externos, de acordo com a agência de notação norte-americana Moody’s Investors Service.

“A situação fiscal tem produzido excedentes consideráveis ao longo dos últimos cinco anos e, uma vez que nao há dívida externa, todos os excedentes orçamentais têm sido guardados”, afirmou Steven Hess, analista de crédito sénior da unidade de risco soberano da Moody’s.

Dizendo que a notação de Aa3 atribuída a Macau continua a ser suportada por indicadores fiscais e financeiros fortes, Hess adianta que praticamente em todos os indicadores de liquidez e vulnerabilidade Macau apresenta-se mais forte do que Estados ou territórios com a mesma notação.

A nota distribuída pela Moody’s adianta que a recente decisão governamental em pôr termo à emissão de novas licenças de jogo não terá qualquer influência na notação do território.

Mas Hess faz notar que o crescimento económico de Macau – 27,3 por cento em termos reais em 2007 depois de um recorde de 28,4 por cento em 2004 – vai desacelerar quando a actividade de construção civil diminuir.

“Outra vulnerabilidade é a indexação da pataca ao dólar de Hong Kong e a preocupação de que problemas em Hong Kong possam afectar directamente Macau”, adianta Hess, para acrescentar que a dependência do jogo e do turismo faz com que Macau possa ficar vulnerável face a choques externos. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH