Portugal: Comissão Europeia revê em baixa crescimento económico português em 2008

29 April 2008

Bruxelas, Bélgica, 29 Abr – A Comissão Europeia reviu em baixa as perspectivas de crescimento económico de Portugal para 1,7 por cento este ano e 1,6 por cento em 2009, de acordo com o seu relatório da Primavera, segunda-feira divulgado em Bruxelas.

Nas previsões económicas do Outono passado, divulgadas em Novembro, Bruxelas previa um crescimento de 2,0 por cento para Portugal em 2008, enquanto Lisboa estimava, em Dezembro, no Programa de Estabilidade actualizado, um aumento da riqueza de 2,2 por cento para o corrente ano.

Bruxelas sublinha que o actual crescimento do PIB português “parece estar a ser diminuído” pela desaceleração da actividade económica dos seus maiores parceiros económicos, os efeitos das perturbações persistentes no mercado do crédito e alta dos preços da energia e alimentação.

A revisão em baixa do crescimento português não é tão pessimista como o estimado a 09 de Abril último pelo Fundo Monetário Internacional (FMI), que previu um aumento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2008 de 1,3 por cento em Portugal e 1,4 na União Europeia (UE).

O crescimento da economia da União Europeia deverá diminuir para 2,0 por cento em 2008 e 1,8 por cento no ano seguinte, estimou a Comissão Europeia, que admite preocupação e reconhece que a Europa não sairá incólume às turbulências mundiais.

Em 2007, o crescimento da economia no conjunto da União Europeia foi de 2,8 por cento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH