Moçambique: Banco árabe poderá financiar reconstrução de barreira de protecção da orla marítima de Maputo

13 May 2008

Maputo, Moçambique, 13 Mai – O Banco Árabe para o Desenvolvimento Económico de África (BADEA) poderá financiar a reconstrução da degradada barreira de protecção da orla marítima da cidade de Maputo, numa extensão de 13 quilómetros, informou o jornal Notícias, de Maputo.

A possibilidade de as obras, orçadas em 18 milhões de dólares, serem financiadas por aquela instituição financeira, foi domingo avançada pelo respectivo director-geral, Abdelaziz Khelef, que se encontra em visita de trabalho a Moçambique.

Khelef falava na praia da Costa do Sol, no decurso de uma visita pela cidade, no qual o presidente do município, Eneas Comiche, lhe deu a conhecer o ponto de situação das obras de reabilitação das vias de acesso e do sistema de drenagem das águas pluviais agora em curso na urbe, para além de lhe mostrar outros projectos vitais para a capital parados devido à falta de fundos.

De sublinhar que a reconstrução das estradas, praças, passeios e do sistema de drenagem, a ser entregue em Agosto próximo, está orçada em cerca de 22,3 milhões de dólares, financiados pelo BADEA e fundo da OPEC.

Abdelaziz Khelef disse que a sua instituição está muito sensível ao projecto, que, aliás, foi desenhado com o apoio do BADEA, pelo que dentro de dias chegará a Maputo uma missão para avaliar as necessidades. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH