Moçambique: Administração de Cahora Bassa pretende aumentar a produção

16 May 2008

Maputo, Moçambique, 16 Mai – A Hidroeléctrica de Cahora Bassa (HCB) pretende aumentar a sua produção em 850 megawatts para 2925 megawatts a fim de responder à crescente procura interna e regional, afirmou o seu presidente, Paulo Muxanga, de acordo com o jornal Notícias, de Maputo.

Actualmente, a HCB produz 2075 megawatts de energia eléctrica, dos quais cerca de 1500 megawatts são fornecidos à África do Sul.

Até final do ano, deverá ficar concluído o estudo técnico-financeiro em curso, que vai fornecer dados como a natureza do trabalho a realizar na central de produção, bem como o valor do investimento necessário para obter o aumento da capacidade de produção.

Paulo Muxanga afirmou ao jornal terem sido recentemente investidos 80 milhões de euros num projecto de recuperação da central de produção-sul, prevendo-se que em 2009 se inicie a reparação da subestação onde a energia produzida é concentrada e convertida antes de entrar no circuito de transmissão.

A ideia, de acordo com Muxanga, é aumentar a capacidade de produção para garantir, primeiro, a cobertura das necessidades internas, antes de avançar para a satisfação de eventuais necessidades adicionais nos países da região.

A Zâmbia, segundo Muxanga, é um dos países que deverá receber proximamente energia da HCB, em resposta a uma solicitação nesse sentido, que ainda está a seguir os trâmites necessários. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH