Angola: Empresa chinesa constrói barragem de Gangelas na província de Huíla

22 May 2008

Luanda, Angola, 22 Mai – A empresa chinesa Sinohydro Corporation Limited está a finalizar as obras da construção da barragem hidroeléctrica das Gangelas e do canal de irrigação na província do Huíla, escreve o Jornal de Angola.

A primeira pedra para a edificação da barragem das Gangelas foi colocada em meados de 1975 mas o início da execução do projecto não foi possível antes de 2002, devido à situação de guerra que Angola viveu.

A primeira fase da obra terminou em 2007 e a segunda está em fase de conclusão.

O canal de irrigação que cobre aproximadamente 1.400 hectares de terras aráveis, num percurso de mais de oito quilómetros vai possibilitar a produção de milho, massango, massambala, assim como de leguminosas, horto-frutícolas e citrinos.

O projecto concebido pelo Governo Central, no âmbito de um programa nacional avaliado em cerca de cinco milhões de dólares, foi financiado pelo Eximbank da China.

Cento e sessenta e nove técnicos, entre angolanos e chineses, trabalham na obra.

A barragem pode armazenar cerca de 3,5 milhões de metros cúbicos de água.

O projecto vai transformar o município da Chibia, com uma população estimada em 133 mil habitantes, em zona de alta produção agrícola e beneficiar 116 mil camponeses da Chibia, agrupados em sessenta associações e cooperativas agrícolas. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH