Moçambique: Moçambique registou em 2007 o investimento mais elevado desde 1986

10 June 2008

Maputo, Moçambique, 10 Jun – Moçambique registou em 2007 o valor mais elevado de captação de investimento directo estrangeiro desde que em 1986 iniciou a introdução de reformas económicas apoiadas pelo Banco Mundial e pelo Fundo Monetário Internacional.

No ano passado, foram aprovados pelo Centro de Promoção de Investimentos (CPI) projectos que ascendem a 9 mil milhões de dólares, sendo de destacar a refinaria de petróleos de Nacala (província de Nampula), estimada em cerca de 5 mil milhões de dólares.

Moçambique tem registado um crescimento económico de cerca de oito por cento ao longo dos últimos anos, daí a razão de ser visto como um destino seguro pelos investidores.

A paz e estabilidade política, para além das políticas macroeconómicas adoptadas pelo governo, são vistos como outros factores actractivos para muitos investidores estrangeiros.

Estatísticas do CPI mostram que em 2006 foram aprovados projectos de investimentos avaliados em 850 milhões de dólares.

Moçambique tem estado a receber megaprojectos nos últimos tempos, sendo de destacar a construção da Mozal, detida por, entre outros, capitais nipónicos e britânicos, que representa um investimento superior a 2 mil milhões dólares.

Os Estados Unidos da América são os maiores investidores com pouco mais de 5 mil milhões de dólares e a China ocupa a sexta posição.

Portugal, antiga potência colonizadora, está em sétimo lugar, depois da China. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH