Angola: Consórcio estrangeiro vai construir fábrica de cimento na província do Kwanza Sul

25 June 2008

Luanda, Angola, 265 Jun – Um consórcio de empresas estrangeiras vai investir 500 milhões de dólares em Angola na construção de uma fábrica de cimento em Chindonga, junto a Sumbe, com capacidade para produzir 1,4 milhões de toneladas por ano, informou terça-feira a agência noticiosa angolana Angop.

Denominada Fábrica de Cimento do Kwanza Sul (FCKS), a cimenteira vai ocupar uma área de 10 hectares, a sua construção deverá ficar concluída em 2011 e garantir mais de quatro mil empregos directos.

O consórcio que vai instalar a primeira indústria de cimento na província do Kwanza Sul é constituído pela Sojitz Corp, de origem japonesa, Acurias (França), Eta (Emiratos Árabes Unidos), a FlSmidth (Dinamarca) e a Wartsila (Finlândia).

A prospecção da zona onde será erguido o projecto iniciou-se em 2003 tendo ficado concluída em Julho de 2005 e foi conduzida por uma equipa de nove técnicos sul-coreanos e quatro angolanos, que constataram a existência de argila, calcário e outras matérias-primas necessárias para a produção de cimento.

A província do Kwanza Sul, rica em mica, gesso, ouro, quartzo, ferro, águas termais e diamantes, tem uma superfície de 58620 quilómetros quadrados e uma população estimada em 2,5 milhões de habitantes. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH