Brasil: Grupo brasileiro Odebrecht vai produzir açúcar e etanol em Angola

15 August 2008

São Paulo, Brasil, 15 Ago – O grupo brasileiro Odebrecht anunciou quinta-feira que iniciará a produção de açúcar e de etanol em Angola, em parceria com a estatal angolana Sonangol e com produtores locais.

O projecto está em fase final de conclusão, disse Clayton Hygino, vice-presidente da ETH Bionergia, subsidiária do grupo Odebrecht, ao jornal Valor Económico.

O executivo não informou a localização e o volume de investimentos estimados para os projectos.

A decisão de investir na produção de açúcar e de etanol permitirá ao grupo brasileiro utilizar as suas infra-estruturas já existentes em Angola.

Outra vantagem será a possibilidade de exportar açúcar para o mercado europeu sem o pagamento de tarifas de importação, permissão concedida aos países africanos.

Criada em Julho de 2007, a ETB Bionergia tem planos de investimentos de 4,8 mil milhões de reais para a construção de pelo menos seis fábricas de açúcar e etanol, no Brasil, nos próximos anos.

Em 2008, a subsidiária deverá comercializar 400.000 toneladas de açúcar e 350 milhões de litros de etanol, nos mercados brasileiro e estrangeiro.

Em Angola, o grupo está envolvido em projectos imobiliários e construção de auto-estradas, estando ainda envolvido no projecto diamantífero de Catoca e na construção do primeiro shopping de Angola, em parceria com o grupo angolano HO Gestão.

A Odebrecht está igualmente ligada à construção da barragem de Kapanda, em Malange. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH