Angola: Brasileira Odebrecht anuncia abertura até Dezembro de troço da auto-estrada periférica Viana/Cacuaco

3 November 2008

Luanda, Angola, 3 Nov – Um dos sentidos de 33 quilómetros da auto-estrada periférica Viana/Cacuaco será aberto ao trânsito automóvel em Dezembro próximo, afirmou à agência noticiosa angolana Angop um funcionário da empresa brasileira Odebrecht.

Lucino Torres disse que um sentido do troço possui a primeira camada de asfalto e aguarda o termo de trabalhos complementares para se colocar o asfalto final.

A obra completa tem termo previsto para Julho de 2009 e enquadra-se no projecto de soluções pontuais para a melhoria do tráfego na capital, levado a cabo pelo Instituto Nacional de Estradas de Angola (INEA).

A empreitada, que teve início em Outubro de 2007, engloba 55 quilómetros, estando os restantes 22 quilómetros a cargo da empresa brasileira Queiroz Galvão.

A auto-estrada periférica Cacuaco/Viana/Cabolombo terá um perfil transversal de 42,40 metros, com duas faixas de rodagem em cada sentido, tendo um separador central de 20 metros de largura.

A via vai melhorar a ligação entre os municípios de Cacuaco, Viana, Samba e Kilamba Kiaxi, reduzindo a circulação dentro da cidade e o acesso ao novo aeroporto de Luanda, a partir das províncias adjacentes à capital do país. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH