Angola: Economia deverá crescer 11 por cento em 2009

10 November 2008

Luanda, Angola, 10 Nov – A taxa de crescimento do Produto Interno Bruto de Angola em 2009 deverá situar-se em 11 por cento, afirmou sexta-feira em Luanda o primeiro-ministro angolano, Paulo Kassoma.

De acordo com a agência noticiosa angolana Angop, Kassoma, que fazia a apresentação no parlamento do Plano Nacional e do proposta de Orçamento Geral do Estado, disse que para 2009 está prevista uma taxa de inflação anual de 10 por cento e uma produção de 739,7 milhões de barris de petróleo.

Paulo Kassoma adiantou que o PIB petrolífero se estima em 5,9 por cento, enquanto o não-petrolífero se situa em 15,9 porcento.

Afirmou que o quadro macro-económico para 2009 está delineado com as previsões estabelecidas para a produção petrolífera e o comportamento esperado do preço do petróleo no mercado internacional, variáveis estabelecidas para as metas de inflação, da taxa de câmbio e as componentes das finanças do Estado.

Segundo ele, deverá haver, em 2008 e 2009, um certo abrandamento nos ritmos de crescimento económico, explicado pelo contexto de crise financeira internacional, petrolífera e alimentar, que influenciará negativamente a expectativa mundial.(macauhub)

MACAUHUB FRENCH