Angola: Projecto de gás “Angola LNG” pode custar o dobro do previsto

17 November 2008

Luanda, Angola, 17 Nov – O investimento total do projecto “Angola LNG” poderá duplicar e elevar-se a 8 mil milhões de dólares, afirmou o director do projecto, Paul Oen, citado pelo Jornal de Angola.

No decurso da cerimónia que marcou o acto simbólico de recepção de 240 hectares de terreno preparados para a construção da fábrica de gás pela empresa Bechtel, Oen disse que o aumento do investimento necessário deve-se ao aparecimento de alguns imprevistos ligados à dragagem e à preparação de terras destinadas à construção do empreendimento.

A “Angola LNG” entregou à Bechtel o espaço preparado para a construtora edificar a fábrica até 2012, numa empreitada que envolve 1.500 trabalhadores de diversas profissões, dos quais fazem parte mil angolanos.

Com o início das obras de construção por parte da Bechtel, referiu Paul Oen, o projecto “Angola LNG” entra na fase decisiva para a sua conclusão em 2012.

A fábrica tem uma capacidade de produção anual de 5,2 milhões de metros cúbicos de gás natural, dos quais parte será disponibilizada à Sonangol para o uso doméstico e exportação, principalmente para os continentes americano e europeu.

Participam no projecto a Chevron, com 36,4 por cento, a Sonangol, com 22,8 por cento e a Exxon, BP e a Total, cada uma com 13,6 por cento. (macauhub)

MACAUHUB FRENCH